Team Meeting of Renewable Energy Engineers Working on an Innovative More Efficient Solar Panel Battery Concept. Group of Specialists Gathered Around Table, Solving Problems. Bright Research Facility

Qual o Estado da Nação Face aos Sistemas Relacionados com Data Management e Monetization?

O Starups Panel do IDC Data Monetizations & Management 2021, conta com a presença de Gonçalo Abreu, Co-Founder e CEO da Alfredo AI e António Reis, Co-Founder e CTO da Meight, como Eduardo Barroso Director da The Fintech House , como moderador.

IDC Data Monetization & Management 2021- Startups Panel - Artificial Intelligence & Machine Learning | Gonçalo Abreu, Co-founder and CEO, Alfredo AI | António Reis, co-founder and CTO, Meight | Moderador: Eduardo Barroso, Director of The Fintech House

Foi Eduardo Barroso, Diretor na The Fintech House, quem introduziu o Startups Panel sobre o tema "Artificial Intelligence & Machine Learning", mais especificamente sobre «a atual transformação digital a que temos vindo a assistir no âmbito do data e analytics, os benefícios e desafios que as empresas enfrentam e como podem utilizar tecnologias como AI, Machine Learning ou Advanced Analytics para encontrar novas fontes de revenue, oferecendo um produto mais personalizado e adequado a cada cliente», tal como referiu. O Painel conta com a presença de Gonçalo Abreu, Co-Founder e CEO da Alfredo AI e António Reis, Co-Founder e CTO da Meight, que vieram ao IDC Data Monetization & Management 2021 contextualizar qual o estado da nação no que aos sistemas de data management e monetization diz respeito, o que está a ser feito na indústria e quais as tendências para os próximos anos.

Gonçalo Abreu foi o primeiro orador a ter a palavra, que começou por apresenta a Alfredo AI, empresa na qual é Co-Founder e CEO. O projeto Alfredo AI, nas palavras do responsável surgiu enquanto necessidade de compra de uma casa. A Alfredo AI é uma solução que tem em vista «organizar o mercado imobiliário utilizando Inteligência Artificial e Big Data», permitindo fornecer aos utilizadores informação toda a informação que é necessária para avaliar a comprar de uma casa. De seguida foi António Reis quem apresentou a empresa, Meight, que opera no transporte de mercadorias atuando na parte das eficiências. «O Transporte terrestre é uma indústria enorme, que representa 5 triliões de dólares no mundo inteiro», o responsável acrescentou ainda que «40% de todo o custo operacional é combustível e 22% é CO₂ e existem estudos que mostram que 20% destes valores são mal gastos. Assim, nós vemos ser uma oportunidade perdida e o poder dos dados é possível remover toda esta variação e ineficiência da indústria». Nas palavras do Moderador, é curioso ver o impacto que os dados podem ter nos diferentes modelos de negócio.

Todos sabemos que a Inteligência Artificial e o Machine Learning já foram alvo de grande buz no passado, mas o que terá mudado na última década? Foi a esta pergunta que os dois oradores convidados responderam. Destaque dado por Gonçalo Abreu, «a diferença entre uma empresa software house e uma empresa de machine learning, é a cereja no topo do bolo. Porque todo o bolo continua a ser engenharia de software, tu só consegues aplicar machine learning, com uma estrutura impecável, boas práticas de programação e se soubermos trabalhar em equipa, só com tudo isto é que conseguimos pôr em cima a modelação estatística».

Veja a gravação acima do Startups Panel sobre Artificial Intelligence & Machine Learning e conheça ainda qual impacto da Data Monetization no cenário português, os desafios e prioridades das empresas que se querem estabelecer nesta área e ainda qual o estado da nação de Portugal e da Europa face ao desenvolvimento de tecnologias de AI, Machine Learning e Advanced Analytics.